segunda-feira, 26 de outubro de 2009

cinco horas

são cinco horas
você está acordando em uma cama
longe da minha

eu sinto seu cheiro
seu gosto na minha boca
sua mão na minha roupa
seu cabelo nos meus dedos
seus dedos na minha boca
sua boca nos meus dedos

mas são cinco horas
eu estou acordando em uma cama
longe a sua

Um comentário:

Bruno Quintella disse...

Cama vazia é o sofá da solidão